Após exoneração, Marcelo Álvaro Antônio diz que volta ao Turismo amanhã.

O deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG) afirmou, hoje (6), através do Twitter, que a exoneração do cargo de ministro do Turismo  é temporária e que reassume a pasta amanhã, 7 de fevereiro. De acordo com ele, a medida é para que assuma como parlamentar no Congresso.

O decreto com a exoneração foi publicado na edição do Diário Oficial da União de hoje (6), sem justificativas.

A mesma medida foi aplicada pelo presidente Jair Bolsonaro no dia 1º para que três ministros com mandato na Câmara tomassem posse e votassem na eleição à presidência da Casa: Onyx Lorenzoni (DEM-RS), da Casa Civil, Tereza Cristina (DEM-MS), da Agricultura, e Osmar Terra (MDB-RS), da Cidadania. Imediatamente após a reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) ao comando da Câmara, os ministros foram reconduzidos a seus cargos. O ministro do Turismo, no entanto, não foi envolvido na operação.

No início da semana, Marcelo foi apontado pela Folha de S. Paulo como integrante de um suposto esquema de lançamento de candidaturas laranja com o objetivo de desviar recursos eleitorais do Fundo Partidário e beneficiar empresas relacionadas ao seu gabinete.

“Em tempos de fake news, importante avisar: hoje tomo posse na Câmara dos Deputados e amanhã retorno as atividades frente ao Ministério do Turismo, disse Marcelo Álvaro Antônio, via Twitter”.

Be the first to comment on "Após exoneração, Marcelo Álvaro Antônio diz que volta ao Turismo amanhã."

Leave a comment

Your email address will not be published.


*